8 dicas essenciais que irão mudar sua forma de ver o Facebook e o LinkedIn

 Na Categoria Digital

Cada dia que passa, as redes sociais estão se tornando mais importantes para o empresário que busca consolidar sua marca no mercado. É preciso conhecer o seu público, seu cliente e onde você quer chegar como empresário.

Por isso, no texto de hoje iremos dar atenção especial para duas redes muito parecidas e distantes ao mesmo tempo: O Facebook e o LinkedIn.  Veremos o quanto elas são extremamente fundamentais para alavancar o nome da sua empresa.

Vamos lá?

 

Facebook

É de comum acordo que o Facebook é a maior de todas elas para interação com pessoas do mundo todo,  como amigos,  familiares, colegas de trabalho ou até mesmo o vizinho que você nunca disse sequer um oi (sim, ele te considera um amigo no Facebook e pode ficar  chateado quando você deletar ele da lista de amigos. Veja a força que o Facebook tem!). Através dele, tivemos contatos com nossos amigos de infância, parentes distantes e conhecemos pessoas novas graças aos grupos de interesse que são criados todos os dias para discussão, troca de ideias e experiências referente ao assunto.

1. Ok, mas e a empresa?

Vimos que o Facebook alcança um público abrangente,  constantemente conectado e ligado no que está acontecendo quase que o tempo todo. Por que  não usar isso a favor da sua empresa?

Com uma página própria você consegue ter um contato direto com seu cliente, criando uma aproximação com ele que antes não existia.  Assim você pode ver a reação dele com alguma noticia, lançamento e mostrando que existe uma atenção com o seu público.

2. Criei a página, tenho seguidores… e agora?

Sua página está bombando! Tem mais curtidas do que imaginávamos… O que falta?

O fundamental é sempre atualizar sua página com informações legais sobre a empresa e fazer com que o pessoal fique interessado e com vontade de comentar suas postagens. Fazer posts diários ou com uma boa frequência na semana ajuda e muito a crescer a visibilidade e atenção dos usuários para a sua página.

Feito isso, podemos seguir para o Grupo!

3. O que é e como diferenciar grupos e páginas?

Diferente de uma página, o grupo é alimentado pelos usuários, eles criam discussões e postagens sobre a sua empresa e divergem entre eles sobre o assunto. Tenha em mente que o Grupo é algo mais difícil e requer uma atenção maior para ser realizado de forma correta, visto que você está dando uma confiança enorme para os seus clientes falarem da sua empresa de forma livre.

4. Resultados

Percebe o quanto que o social do Facebook é poderoso? Pessoas que não conhecem seu produto passam a conhecer, algumas entram com dúvidas e através das interações acabam decidindo por utilizar seu produto e podem trazer um feedback positivo após o uso! Dando um corpo maior para as futuras referencias para quem acabou de entrar la!

 

LinkedIn

Aqui estamos, encarando o outro lado da moeda. Enquanto o Facebook nos traz uma interação social com o cliente, o LinkedIn entrega um público totalmente diferente. Estamos falando aqui de interações B2B, de interação profissional com profissional. Como isso pode funcionar para você e para sua empresa?

1. Parcerias

Com o LinkedIn você pode encontrar profissionais e empresários do mesmo ramo ou que precisam do seu produto para a realização do trabalho que ele exerce. A facilidade do LinkedIn em encontrar uma pessoa que precisa de você ou que seja sua necessidade é enorme!

2. Encontrar profissionais para a sua empresa

O Perfil do usuário do LinkedIn é o currículo dela, simples assim. Com isso você consegue encontrar profissionais qualificados para a área que você necessita. A ferramenta de busca é perfeita,  com opções como idade, formação,  escola/faculdade que estudou, cursos, experiências… As opções são bem abrangentes e te trazem o perfil perfeito que a sua empresa esteja procurando.

3. Trocar experiências em fóruns de discussão profissional 

Outra característica do LinkedIn que é muito interessante são os fóruns. Neles você participa de discussões profissionais sobre o mercado, matéria-prima, cenário nacional e internacional dentre outros milhares de assuntos. O legal disso é ver o que os empresários e profissionais estão pensando sobre o cenário ou até mesmo auxiliam na resolução de algum problema. Poderoso!

 

Afinal, o que devo usar? Facebook ou LinkedIn?

Obviamente sua empresa precisa ter o carinho e a atenção com o cliente, criando um vinculo e identidade com ele. Você precisa fazer com que ele veja em você a primeira opção não só por ser uma marca ou produto de qualidade, mas também porque você deu a atenção e carinho que ele buscava, como a Coca-Cola virando integrante da sua família nos almoços de domingo…

Assim como a sua empresa precisa ser séria, buscar parceiros e negociar de forma com que ela cresça também para o mercado B2B,  ela precisa ser relevante entre os empresários e ser uma empresa com um potente diferencial, com ótimos profissionais, visibilidade de mercado e conhecimento do cenário em que atua.

Sendo assim, o que você está esperando para ter sua empresa nas duas Redes Sociais? Ela precisa ter o braço esquerdo (vinculo com o cliente) e o braço direito (mercado) fortes. Um bom caminho é ser participativo em ambas as Redes.

 

Boa sorte e até a próxima!

Matérias

Deixe uma resposta