Esses 10 passos vão fazer sua campanha de e-mail marketing realmente funcionar.

 Na Categoria Digital

Trabalhar com e-mail marketing pode ser um verdadeiro desafio se você não está acostumado. Por ser uma ferramenta muito controversa, muitos são os cuidados que você deve tomar para não acabar caindo na tão temida caixa do spam.

E não é só isso! Mesmo quando o e-mail vai para a caixa de entrada do usuário, o anunciante quer ser aberto, lido e clicado. É muita cobrança para um simples e-mail, não é mesmo? Por isso, preparamos um guia super fácil para você! Leia com atenção e comece a aplicar essas dicas na sua próxima ação.

É válido lembrar que este texto não é um guia que vai ensinar as palavrinhas mágicas para uma ação digital de sucesso. Trata-se de uma série de sugestões que vão incrementar o resultado das suas campanhas feitas com a inclusão de envio de e-mail marketing.

1º Passo – Não caia no SPAM

Os serviços de e-mail disponíveis no mercado, sejam eles pagos ou não, costumam filtrar o conteúdo recebido para que a sua caixa de entrada não se torne uma piscina de propaganda. Por isso, é necessário muito cuidado para não cair no pente fino e acabar deixando de atingir um cliente em potencial por causa de detalhes técnicos.

Clique aqui e saiba como configurar sua ação de e-mail marketing de forma efetiva, levando sua peça diretamente para a caixa de entrada, o que nos leva ao segundo passo deste guia.

2º Passo – Não compre mailing

Quantidade não é qualidade. Se você não tem uma lista de contatos volumosa, desenvolva uma ação para colher informações dos seus clientes. Ao comprar mailings com milhares de contatos, você perde o controle sobre quem receberá a sua comunicação. Não dá para saber se todos os e-mails são válidos, ou se são de pessoas que tenham a ver com a sua marca ou produto.

Se você tem como objetivo aumentar o seu volume de contatos, comece a levantar informação dos seus próprios clientes, que, cientes da sua intenção, autorizarão o envio de e-mail marketing, tornando o seu trabalho mais efetivo, direto ao ponto e com maiores possibilidades de conversão.

3º Passo – Segmente os Destinatários

Conforme sua lista de contatos for crescendo, você perceberá que terá em mãos uma lista com diferentes perfis de consumidores. Por isso, será necessário realizar ações distintas para cada tipo de cliente. Nesse sentido, a segmentação dos contatos se faz importante e necessária, pois contribui com a qualidade das suas peças, mantendo a integridade e a credibilidade da sua marca.

4º Passo – Chame pelo Nome

Apesar de o envio de e-mail marketing ser uma ação desenvolvida em máquinas, o destinatário é um ser humano e, como todo ser humano, prefere ser tratado de forma exclusiva e diferenciada. Por isso, tenha o hábito de chamar o seu cliente pelo nome, fazendo com que ele se sinta respeitado e relevante.

Segundo o site Viver de Blog, é possível aumentar em até 14% a taxa de cliques quando o e-mail é destinado diretamente à pessoa que o recebe. Por outro lado, tem muita gente que fica com preguiça de cadastrar seu e-mail quando percebe que tem que preencher o nome. Por isso, pode se perder em quantidade, mas a qualidade só sobe.

5º Passo – Direto ao Ponto

Hoje em dia, ninguém tem mais tempo para ficar lendo um e-mail marketing enrolado e que não oferece logo sua proposta. Por isso, use essa ferramenta com sabedoria: seja objetivo na sua comunicação. Escreva apenas o essencial e nada mais. Curto e grosso, como este parágrafo!

6º Passo – Formate para Celular

Cerca de 38% dos internautas abrem seus e-mails através de smartphone*. Muitas vezes, o e-mail marketing não se adapta ao formato de tela de um celular, o que dificulta a leitura do mesmo, gerando desinteresse por parte daquele que poderia ser o seu próximo cliente.

Esse número está em constante crescimento. É muito importante que você se mantenha atualizado e desenvolva suas peças de comunicação digital de forma responsiva, ou seja, adaptável ao dispositivo que está sendo usado para a leitura.

*Fonte: VIVERDEBLOG.COM

 

7º Passo – Faça testes antes de enviar

Praticamente todas as ferramentas de envio de e-mail marketing disponibilizam a opção de se fazer um envio teste antes do disparo final. Fazer o teste é essencial para verificar tudo que pode dar errado na hora de disparar a comunicação.

Além disso, você pode utilizar uma série de outras ferramentas disponíveis no mercado. OMail Chimp, por exemplo, permite que você envie dois títulos diferentes a pequenas porcentagens da sua lista de contatos, para que você possa verificar qual título teve engajamento maior. Assim, ele envia o título mais clicado para o restante do mailing.

8º Passo – De olho no Título

Adivinha só qual é a primeira coisa que o seu target lê quando recebe seu e-mail! É por esse motivo que o título merece atenção especial. É ele que definirá o sucesso ou o fracasso da sua ação. Se o título não desperta a atenção do seu consumidor, ele provavelmente nem abrirá. Por isso, existe toda uma técnica para o desenvolvimento de títulos campeões. Dá uma olhada nesse link e saiba como escrever aquele título impossível de ignorar.

9º Passo – Nem muito, nem pouco

Assim como já vimos em matérias anteriores, a frequência de envio faz toda a diferença na hora de desenvolver seu material publicitário via e-mail marketing. Muitos envios acabam cansando o consumidor, enquanto poucos envios acabam caindo no esquecimento. Nesse caso, existe um equilíbrio que deve ser encontrado para que você consiga utilizar a ferramenta de forma útil e proveitosa.

Nesse caso, atenha-se a enviar no máximo um e-mail por semana. Você pode alterar esse valor se julgar necessário, mas sempre cuidando para que não se torne demais. Ou de menos.

10º Passo – Analise os Resultados

O e-mail marketing, assim como qualquer meio de comunicação, não é uma ferramenta de precisão. Os resultados podem dar certo mesmo quando se faz tudo errado. E podem dar errado mesmo quando se faz tudo certo. Por isso, é importante verificar os resultados de todas as ações. Essa análise é essencial para que você possa implantar melhoras na próxima vez, transformando o envio de e-mail marketing em uma ferramenta orgânica e viva, adaptada às necessidades dos seus clientes.

Para Finalizar

Agora que você sabe como efetuar o envio de e-mail marketing de forma mais efetiva, vem procurar a Academia da Marca, para que possamos trabalhar juntos no desenvolvimento do seu negócio, gerando os estímulos adequados à necessidade do seu mercado e do seu público.

Até a próxima!

Matérias

Deixe uma resposta